Central de Atendimento:(62) 4002-6767
Telefone Central de Atendimento:(62) 4002-6767
Redes Sociais:
NOTÍCIAS
2206/2018

Cuidado! Uma atitude pode levar bandidos para dentro do seu condomínio

Nos condomínios horizontais normalmente o acesso é realizado de 3 formas.

1˚ Baia de acesso dos Moradores

2˚ Baia de acesso dos Visitantes

3˚ Baia de acesso dos Prestadores de serviço

Em cada baia de acesso o procedimento de liberação de acesso ocorre de uma maneira diferente da outra.

O acesso dos moradores é feito por meio de leitor biométrico, senha eletrônica ou cartão de acesso, ambos previamente cadastrados e liberados, já o acesso de visitantes é feito por meio de cadastro do motorista colhendo dados como RG, CFP e CNH, garantindo assim que no interior do condomínio não haverá um condutor desabilitado circulando e colocando os moradores em perigo. Neste caso normalmente não se pede dados de acesso dos passageiros, o que pode ser uma falha. Já no acesso de prestadores de serviço o acesso é um pouco mais rígido, e os mesmos são instruídos a abrirem o porta malas dos veículos para verificação do conteúdo de maletas, bolsas e pertences. Quando o prestador está acompanhado de ajudantes, esses devem ser encaminhadas ao cadastro pessoal na guarita de acesso aos prestadores, para que seus dados sejam colhidos e armazenados, os mesmos procedimentos são realizados quando deixam o condomínio.

Mas afinal você deve estar se perguntando “como eu posso ajudar a colocar uma quadrilha dentro do meu condomínio mesmo com um sistema de segurança tão rígido assim?” certo!?

A resposta é simples e provavelmente você já deve ter visto alguém fazendo isso ou até mesmo realizou tal ação. Estar transitando como passageiro em um carro que não é cadastrado no banco de dados do condomínio e querer ter o acesso pela baia de moradores.

Talvez nesse momento você pensou; “Mas só isso? Uma bobagem dessas não pode ser assim tão importante”. E a resposta é SIM, essa bobagem pode ser uma porta escancarada para a ação de uma quadrilha, e vamos te contar como.

O morador é abordado nas redondezas do condomínio, na saída do trabalho ou da academia, um dos integrantes toma posse do seu carro e o leva, os outros integrantes colocam o morador dentro de um carro que já estaria de posse deles e seguem para o acesso à casa no condomínio tendo o morador como refém. Tendo em vista a facilidade do acesso do morador, os bandidos já colocam o carro na baia de acesso reservada a ele e com isso o morador digita a senha e pronto, uma quadrilha especializada em roubos a residências em condomínios fechados está completamente à vontade para agir. E aí você acha que isso é impossível ou bobagem agora?

Existem muitos relatos de seguranças e porteiros que ficam nas guaritas e baias de acesso que sofreram insultos e muitas das vezes foram humilhados por moradores apenas por estarem seguindo o protocolo de solicitar a documentação do condutor do veículo e pedir que o mesmo se dirija até a baia de acesso de visitantes. O segurança sabe da sua pressa em acessar as dependências, as vezes uma emergência grave está em ocorrência e por isso você não está com seu carro, mas pense por um minuto, sua emergência é mais importante que a segurança de todas as outras famílias que moram na mesma comunidade que você?

Seja de Uber, Taxi, carro de amigos ou qualquer outra situação que você não seja o motorista, preze por essa simples medida de segurança e acima de tudo seja sempre cortês com as pessoas que estão zelando pela sua segurança e o bem-estar do seu patrimônio.

Muitos condomínios, tem políticas severas de punição a esse tipo de atitude por parte dos moradores com multas altas e restrição de certos direitos temporariamente, então o melhor mesmo é evitar esse tipo de situação e fazer o que é certo, ou seja seguir as regras que existem para beneficiar você.

COMPARTILHE
CATEGORIAS